terça-feira, março 28

284. Trechos de fragmentos inconclusos

«Do saguão, pego o corredor à direita do elevador, mas tenho cuidado, pois os tacos do saguão e alguns do corredor estão soltos e soltam-se às passadas mais fortes. O intendente quase quebrou o nariz há algum tempo, pois veio trabalhar bêbado – noves-fora, mas ele vive bêbado – e tendo vindo à minha sala, deu-me uns levantamentos vindos da região de Póvoa Branca; como gosta de literatura, contei-lhe, por anedota, uma história do Decameron, aquela do cozinheiro e da coxa de grou, e saiu, quando saiu, dando fortes espalmadas e rindo-se bem alto, enfiou o bico do sapato no chão de taco, fazendo a peça de madeira espirrar-se, e esparramou-se o intendente pelo chão; e como aos embriagados lhes despovoam os reflexos, ele não teve tempo de esticar os braços, o que reduziria a queda a somente uma posição napoleônica, mas não, os seus braços não responderam adequadamente – ou o seu braço direito tentou apoiar-se a parede – e no final, o egrégio e digníssimo intendente caiu-se de cara no chão, batendo o lado esquerdo do rosto no chão. Valeu-lhe a queda uns feios hematomas, um osso da face quebrado e quase duas semanas de licença médica; mas sempre quando me vê, sorri e dá uma espalmada no ar:
— Muito boa aquela do flamingo, hem?! Ha, ha!
Ele sempre troca a ave.»
Fragmento de «Departamento de Obras Públicas».

Faço um mea-culpa: abusei muito de verbos reflexivos, o que pode causar uma certa estranheza no leitor (tal como cair-se ou rir-se), as vírgulas estão um pouco bailarinas, o que pode dificultar a leitura. Não tive tempo (nem paciência) de revisar o fragmento, escrito há já alguns meses.

E ainda em tempo: ciao, Palocci!

5 Comentários:

Anonymous Sissi disse...

Sérgio! Como pode ter textos tão maravilhosos? Num espanto de tempo rio, aprendo, reflito. E enfim, estou de volta ao mundo do blog. Espero que para ficar. Beijos.

terça-feira, março 28, 2006 11:36:00 da tarde  
Blogger Jeferson Ferreira disse...

me ajuda!!! pq meu blog tá todo torto sérgio!!???

quarta-feira, março 29, 2006 12:04:00 da manhã  
Blogger Onapomona disse...

Hum... super pós moderno discutir formas gramaticais com os leitores rs

quarta-feira, março 29, 2006 11:54:00 da manhã  
Blogger Sergi-Domenech Ferrer i Vernau disse...

Sissi,
Muito obrigado mesmo... e bem-vinda novamente.

Jeferson,
Podemos ver isso no fim-de-semana? Qualquer coisa, me telefona no serviço.

Camila,
Não sei se é pós-moderno, mas é que sinto a necessidade de explicar algumas, às vezes, principalmente aquelas que parecem muito estranhas à leitura comum. Eu gosto de usar até particípio presente com função verbal, mas me contenho. Fora que ia ficar a cara do Olavo Bilac (!) Um dia lanço um livro de contos em catalão... já pensou? Um escritor brasileiro de expressão portuguesa e catalã? Quem sabe, né?

quarta-feira, março 29, 2006 12:10:00 da tarde  
Blogger Jeferson Ferreira disse...

como sempre, minha ignorância supera tudo... o problema era q a bicha do meu irmão entrou no menu Exibir do IE e modificou o tamanho do texto p máximo... é óbvio q a visualização do blog era toda torta mesmo...

inté!

quarta-feira, março 29, 2006 8:31:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home